Aliados

terça-feira, 19 de junho de 2012

Rio de Janeiro com chuva - Continua lindo!


Na semana passada, fui ao Rio de Janeiro. Depois de 16 anos, retornei a um dos cartões postais mais belos do Brasil. Ganhei a viagem e a companhia de pessoinhas prá lá de especiais. Minha tia, irmã do meu pai, minha primoca e a sua babá rumo à cidade maravilhosa. 
Desde o começo, muita expectativa no primeiro voo da Dona Adair, senhora de 59 anos que dedicou mais de 20 anos de serviço e parceria à família. Partimos de Curitiba direto para o Galeão. Chegamos na 5ª feira e retornamos no sábado. A previsão do tempo já mostrava dias encobertos. Nada tiraria a alegria da viagem, nem mesmo o tempo carrancudo. Fazia 6º graus em Curitiba e no Rio, apesar de nublado, maravilhosos 21º graus! Seguimos do Aeroporto para o Hotel, em Copacabana. Almoçamos e fomos para o Alto da Boa Vista direto  ao Cristo Redentor.


Minha Tia, Dona Dina, sempre teve o sonho de conhecer o tão famoso monumento, dotado de uma simbologia cristã tamanha. Na entrada, a recepcionista avisava, aos turistas, que a visibilidade não estava boa. Alguns desistiram. Nós... Não! Subimos de trem com mais umas 6 pessoas.



O operador do trem, no meio do caminho, nos assustou dizendo que nos 709 metros  acima do nível do mar, estava mais frio e ventava ainda mais. Mesmo assim, estávamos certos da decisão. Chegamos e nos deparamos com pessoas voltando. Outras, nem desceram do trem. Subimos com mais 1 casal. Enquanto subíamos, uma turma de jovens descia entusiasmada. Olhei para minha prima e ela já compreendia que eu iria subir. Perguntamos a Dona Dina, no alto de seus 81 anos se ela se dispusera a subir... A resposta foi imediata e positiva. A Adair titubeou um pouco, mas logo encarou o desafio. Realmente o vento e a chuva eram muito fortes. Algumas vezes, chegava a nos jogar com força para o muro de proteção. Olhando para cima, logo no começo das escadarias, percebia o quão grandioso e espetacular momento estava por vir. Num lugar onde milhares de pessoas, do mundo inteiro, se aglomeram para tirar uma foto ou contemplar a vista panorâmica do Rio de Janeiro, era só nosso. Estávamos lá: Nós 4 com o Cristo Redentor só para nós! Foi muita emoção. Nem frio, nem vento, nem chuva  estragou a intensa alegria. Dá para notar, não é?
Iza, Dina e Adair

Não fizemos foto lá de cima, apenas registramos em nossas retinas e coração essa lembrança inigualável
Um dia que vai ficar na memória!!

Li  que lugares como o Rio de Janeiro você não conhece e sim reconhece.

Bjocas e eutimia!
Vanessa


9 comentários:

Tina disse...

Ameia fotos, a narração e a determinação, sonho em ir nos pezinhos do Cristo, um dia reconhecerei ele :)

Aaliyahrj disse...

Sou uma carioca apaixonada por minha cidade! Amo-a faça chuva ou faça sol!
Vocês ficaram hospedadas no meu bairro!!!
Parabéns pela determinação!
Bjoks

casa de fifia disse...

ACHO QUE RIO VALE A PENA MESMO DEBAIXO DE CHUVA
ELE è UM DOS MEUS SONHOS DE CONSUMO.
UM DIA AINDA VOU CONHECER .
ESPERO QUE SEM CHUVA.
UMA SEMANA DOCE PARA VOCÊ

BACIONE

Tina disse...

Boa semana pra vc, seja com sol ou com chuva, mas cheinha de axé e eutimia :)

Dâmaris disse...

Como sempre o texto está deliciosamente atado ao nosso olhar. Muito bom! Viajei junto. um beijo.

Mary Hitner disse...

Hhauishia.. pra vc ver como a gente sofre aqui em Curitibaa!!

Pena que não tiraram fotos lá em cima.. =/
Mas o importante é que foi uma viagem inesquecivel..

Um beeijoo..

http://maryhitner.blogspot.com.br/

Adooro ter 30!!! disse...

Oi Vanessa... você fez uma descrição tão bonita. Não conheço o Rio... morro de vontade de conhecer, quem sabe um dia...
Obrigada pelo recado carinhoso no meu blog! bjus
Lyd

Tais Martins disse...

A EU IMAGINO QUE SIM!
Um dia ainda conhe-ço
Bjoos boa noite
decorehouse

Vânia Pinho disse...

Realmente com ou sem chuva o Rio é sempre maravilhoso...e eu estou de mudança pra lá e muito ansiosa.
Vocês estavam certíssimas em não perder a alegria na viagem apesar do tempo e subir ao Cristo apesar do frio e da pouca visibilidade.

bjus